Egoísmo! É Forçar As Pessoas A Viver Da Maneira Que Tu Desejas.

Kedson… Lembra-te De Que Um Dia Iras Morrer, A Minha Pergunta É… Como É Que Esperas Ser Recordado, As Coisas Mais Fáceis Do Mundo São, Ficar Triste, Ser Negativo, Desistir E Permanecer Sentado, A Comparas-te Com Quem Possui O Que Tu Não, Independentemente De Todos Esses Sentimentos, Eu Acredito Que Iras Encontrar Algo Lá Dentro, Que Te Permitirá Ultrapassar Todas Essas Dificuldades, Mesmo Quando Parecer Que Foste Deixado De Fora, Procura Ser A Tua Própria Motivação, Eu Escrevo Para As Pessoas Que Nunca Irão Evacuar, Mesmo Quando O Seu Amor For Incriminado Por Qualquer Vitima, Sei Que Muitos Te Aplaudem, Mas A Maioria Espera Ver-te Fracassar, Se O Teu Objetivo É Não Ser Criticado, Por Favor Não Desenvolvas Uma Reação Ativa Sobre A Tua Vida, Alguns Já Assim Agem Porque Acreditam Que O Mundo Está Prestes A Encerrar As Cortinas, Ou Que Daqui A Nada Uma Bomba Nuclear Vai Higienizar O Terreno, E Encaminhar A Poeira Dos Nossos Seres Em Direção Ao Novo Mundo, Não Quero Parecer Deprimente Mas, Por Vezes Vejo Deus Através Das Ações Das Organizações Politicas, Por Outro Lado Falhei Em Ver O Orgulho Ao Pousar Perante Um Animal Morto, Em Determinadas Circunstâncias Sinto Que… Quando Mais Aprendo Menos Vontade Tenho De Perdoar, Eu Sou Um Dos Exemplo Que Certifica A Verdadeira Luta Pela Própria Sobrevivência, Mas Também Sei Que Do Ponto De Vista De Quem Nada Tem, De Quem Procura Pela Perdida Segunda Oportunidade, Interrogando O Relento E Sangrando Entres As Calçadas Que Invalidam, Todas As Possibilidade Que Acolhemos Na Nossa Alma, O Mundo Para Alguns De Nós Já Se Apresenta Num Estado Apocalíptico, Ouve O Que Digo… Existe Um Equilíbrio Natural No Coração Do Romantismo, Existe Um Observador Silencioso Que Uma Vez Disse. Cada Um Colhe O Que Planta, O Melhor Ainda Está Para Vir Hoje Podes Apresentar-te Desfavorecido, Mas Amanhã O Sol Retornara Sempre A Nascer Para Guiar-te Ao Topo.

As Luzes Voltaram A Iluminar-me Com A Sua Presença, A Mente Despertou Mas O Corpo Ainda Encontrava-se A Sonhar, Eu Estava A Correr, Não Sabia O Porque, Nem Pensei Em Perguntar-me, Corria Sem Sentido E Sem Direção, Corria Entre As Estradas De Uma Cidade Que Talvez Já A Tenha Visto Mas De Momento Não Me Permitia Relembrar, Enquanto Corria Perguntava As Pessoas Por Indicações, A Voz Procurava Acompanhar As Emoções Que Os Olhos Transmitiam, Por Vezes Via-me Através Do Meu Olhar, E Outras Vezes Por Intermédio Das Janelas Que Se Encontram No Céu, O Prolongamento Natural Não Chegou A Ter Segundos De Jogo, É A Dor Projetada Pela Memória Foi Expulsa Depois De Saudar O Delírio, Procurando Resolver Os Seus Problemas Subornando Os Deuses, Estava Tudo A Acontecer Tão Rápido Que, Todo Aquele Movimento Apenas Permitia-me Alcançar Um Terço Da Percentagem Que Domina O Sonho, Era Como Contemplar O Mundo Virtual Que No Qual Um Dia Poderei Vir A Viver, Mas Isso Eu Não Me Aconselho, O Chão Parecia Uma Passadeira Elétrica, Onde A Fricção Dos Meus Passos Providenciavam Os Reforços Que Matavam A Fome Do Espírito, Que Vive Acorrentado Entre As Energias Que Cercam O Plano, As Minhas Passadas Cruzavam-se Ente Si Formando Uma Eterna Dança De Frustração, Lá Estava Eu De Volta Ao Deserto A Procura De Água, A Sede Do Desespero Transpirava Pela Sobrevivência Sempre Que Eu Ressuscitava O Passo, Corri Durante Dias Mas Incrivelmente Não Me Sentia Cansado, Apenas Corria E Corria Circunvagando A Cidade, Até Que O Plano Da Realidade Sonar Alcançou A Segunda Transição.

A Constante Correria Representava A Minha Caminhada Sobre O Entretenimento Vital, Nos Dias De Hoje Demonstramos Muita Impaciência, Na Procura Dos Nossos Objetivos, Basicamente Queremos O Melhor Sem Ter-mos De Completar Os Desafios Da Vida, O Mecanismo De Sobrevivência Vai Sempre Escolher A Rota Mais Segura, Eu Vejo A Dor Como Um Escudo Que Te Protege Do Mundo Exterior, Mantendo A Tua Segurança Ao Longo Do Percurso, Mas Ao Mesmo Tempo Impossibilita-te De Cresceres, Um Vez Que Sentes O Seu Significado No Teu Corpo, Procuras Nunca Mais Voltar A Ver A Acontecer, Mas Em Certa Altura Tens De Rebentar A Bolha E Alcançar O Modo Super Saiyan. 

Comecei O Segundo Ato, Correndo Claro! Mas Desta Vez Corria Como Uma Flecha Temporal, Procurava Pela Claridade Que Da Luz Ao Desejo De Forma A Integra-me Nos Meus Braços, As Casas Começavam A Ser Esquecidas Devido A Intensiva Dilatação Do Arco, Em Todo Esse Meu Percurso A Forte Confiança Do Sol Nunca Possibilitou A Interação Da Lua, O Final Da Estrada Deu Lugar A Um Ambiente Viscoso E Incerto, Um Imenso Terreno Aberto Onde A Terra Era Batida Pela Nudez Abstrata De Um Campo De Ruínas, Era Como Assistir O Isolamento A Sair Do Seu Modo De Constrangimento, A Cidade Já Abalada Replicou O Mesmo Movimento Involuntariamente Depois De Ser Visitada Por Um Terramoto, No Meu Lado Esquerdo As Sombras De Sonhos Sem Memórias De Intercalar O Estado De Hipnose Que No Qual Se Encontram, Tomavam Uma Aproximação Tímida Sobre A Vida Esperando Alcançar O Remédio Para As Suas Tristezas, As Identidades Das Almas Que Uma Vez Inseridas Em Corpos Materiais, Pretendiam Enfrentar A Ascensão Que Definidamente Os Libertaria Deste Estranho Mundo Onde Não Passam De Fantasmas, Era Como Viver A Morte Com Um Nó Que A Vida Não Consegui-o Desfazer, As Correntes De Desilusão Funcionavam Como Ideias Forçadas A Justificar O Domínio Das Intrigas E Mentiras Transformadas Pelas Suas Mesmas Existências, As Minhas Atitudes De Detetive Concluíram Que As Suas Expressões Desvitalizadas Demonstravam Um Empobrecimento Interior, Que Os Impossibilitava De Pensar Corajosamente.

Já No Meu Lado Direito, Um Exercito De Pássaros Marchavam Organizados Pela  Consistência Que Só Nasce Da Disciplina, Calçando Os Mesmos Passos Que O Seu Líder, O Mesmo Era Tão Alto Quanto Eu, Tinha Olhos Castanhos Grandes, Era Branco Com Manhas Laranjas E Roxas, Seguia Firme Com A Virtude E Com A Coragem De Um Verdadeiro Comandante, Abrigava Uma Forma De Beleza Que Não Era Necessário Moldar, O Restante Das Tropas Permaneciam Posicionados Junto As Lentes Das Escritas, Pois A Cidade Que Uma Vez Abrigou As Sombras De Vida Teria Sido Destruída, Mas Não Destruiu As Suas Elevadas Capacidades De Amar, Ainda Assim Estavam Dispostos A Purificar Todas Aquelas Feridas Que A Vida Não Sarou De Forma A Desconectar-las Do Sistema, Fazendo Dos Seus Comentários Uma Estatística, Porque Eles São Tão Fortes Quanto O Mendo Que Colocam Dentro De Nós, Só Aqueles Que Estão Errados É Que Temem A Verdade, Eu Parecia Um Ator Cósmico Os Meus Olhos Filmavam A Peça Através Da Quanta Dimensão, Esperava Captar Toda Aquela Ação Tendo Os Mesmos Olhos Vedados, Os Pássaros Levantaram Voo E Antes De Nortearem As Almas Para Um Estado De Não Saber, Formaram Uma Mensagem Entre As Nuvens Dizendo, Sei Que Estamos Todos Assustados Mas… Sucesso É Levantas-te Mais Uma Vez, Depois Disso O Meu Corpo Pegou Fogo, Foi Como Se Tivesse Aberto Todos Os 8 Portões De Chakra, Sentia-me Preparado Para Combater Qualquer Jutso, Enquanto Desaparecia Os Mesmos Pássaros Despediam-se De Mim Com Um Sorriso Amigável.

Quando Voltei A Despertar, O Meu Corpo Estava Encostado A Uma Árvore Quase Sem Ar, Devido A Toda Aquela Correria, Este Novo Ambiente Florestal Representava O Nível Menos 3 Na Escala Sonar, Descansei O Suficiente Depois Disso Comecei A Andar, A Questão Não Se Resume Para Onde Pretendo Chegar, Mais Sim O Que Estou Disposto A Sacrificar Para Lá Chegar, Porque Eu Sou A Testemunha Que Espera Cumprir A Sua Missão Histórica, O Meu Corpo Foi O Instrumento De Comunicação Que Permitiu-me Chegar Até Aqui, Mas Eu Já Não Habito Nele, Agora Falo-vos Através Da Mente Do Espírito, Hoje Sou Capaz De Fazer Do Pensamento E A Emoção Uma Única Força, Refugiei-me No Esquecimento Que A Mente Discordava, Quando Dei Por Mim Estava A Ser Cercado, Os Meus Olhos Constantemente Constatavam Entre As Árvores Sombras Em Movimentação, Pouco A Pouco Começaram A Aproximar-se Da Minha Luz E Finalmente Fizemos O Seu Primeiro Contacto, Não Sei Como Descreve-los Pareciam Ser Animais Normais, Banhados Com Um Remoinho De Cores, Além Disso Falavam, Mostravam Ser Mais Humanizados Do Que A Maioria Das “Pessoas” Que Não Conheço, Grande Parte De Nós Apenas Mostra A Nossa Verdadeira Identidade Quando Estamos Sozinhos, Ou Quando Estamos A Formular Uma Ideia Ou Um Pensamento Continuando… Um Deles Começou Por Dizer.

Obrigado Por Honrares A Tua Palavra Com A Tua Presença, Viemos Dar-te Os Parabéns Por Teres Atingido O Primeiro Telhado Do Avanço Espiritual, Sei Que És Dos Muitos Que Espera Ser Abençoado Por Algo Que Não Consegue Compreender, Mas Tens De Saber Que Aqui No Mundo Espiritual Não Existe Religião, O Teu Sono Perpetuo Nunca Tomou Lugar, Porque As Percepções Físicas Não Têm Tempo De Alcançar As Tuas Memórias, A Esperança Será Sempre A Única Estratégia Visto Que O Demónio Vive No Que Os Outros Falam, Agora Segue Esse Caminho Até Alcançares O Altar Do Universo.

Enquanto Esse Ser Não Identificado Falava, Os Outros Olhavam Alegremente Para Mim Mas De Uma Forma Estranha, Inicialmente Pensei Que Me Iriam Assar Na Fogueira, Ou Vir A Adicionar Falsas Narrativas Na Linha De Sonho, Porque Sempre Que Te Encontras Perto De Alcançar Um Novo Estágio No Teu Exercício Noturno, Vai-te Deparar Com Um Dos Bosses, Aqueles Ventos De Dúvidas Que Tomam Forma Física E Procuram Desencaminhar-te Do Teu Grande Destino, O Mesmo Acontece No Mundo Complicado Onde Vivemos, Estou A Resumir O Que Ouvi Porque Não Me Relembro De Todos Os Salpicos De Imaginação, Mas Sei Que Em Certa Altura Do Seu Discurso De Bem-vindas, Um Pequeno Padrão Distante De Mim Despertou, Foi Como Começar A Ver Através Dos Efeitos Especiais Que Governam As Sombras, Uma Luz Verde Tomou Lugar, Mas Ninguém Parecia Apercebe-se Do Que Se Estava A Passar, O Tempo Parou E Eu Comecei A Andar Até Ela, Mas Quando Lá Cheguei Não Me Era Possível Ajustar-me A Nova Forma De Energia, Acabei Por Ficar Impossibilitado De Passar Pela Porta, Mas Conseguia Contemplar Esse Novo Compartimento, Haviam Computadores E Cabos Por Todos Os Lados, Assemelhava-se A Uma De Uma Central De Vigilância, Onde A Pequena Fração Que Se Apresentou Era A Representação De Algo Ainda Maior, Não Pude Compreender O Que Estava A Ver, Nem Pude Conter As Contradições Dentro De Mim, Que Me Alertavam Para De Lá Fugir, Mantive A Calma E Pensei Para Mim, O Inimigo Só Te Vai Perseguir Caso Tenhas Algo De Importante, Um Dos Ecrãs Começou A Pestanejar Enquanto Uma Mensagem Era Digitada Do Outro Lado, Dizendo Para Esse Grupo Apenas Serás Recrutado Depois De Alcançares O Limiar Invisível, O Campo De Energia Com Todo O Desrespeito Possivel Impulsionou-me Para A Chão E Tudo Voltou Ao Normal, A Palestra Acabou E Eu Segui Em Direção Ao Altar Do Universo.

Continuei A Minha Caminha Sem Saber O Que Me Esperava No Cimo Da Montanha, Enquanto Escalava Desfazia-me Dos Eventos Mais Traumáticos Que Desde Sempre Decidiram Assombrar A Minha Vida, Relembrando-me De Que Mesmo Se Fizer Tudo Perfeito, Eles Continuamente Serão Atraídos Na Minha Direção, Pois Não Passo De Um Íman Que Só Atrai Desilusão, Mas Isso Era Antes De Momento A Insegurança Não Faz Parte Da Dieta, Eu Não Temo Uma Outra Humilhação Pública, A Minha Esperança São Como Os Livros Que Requisitas Da Biblioteca, E Nunca Voltar A Reentrega-los, São Como Os Batimentos Que O Coração Pula Para Te Poder Alcançar, Fiz O Delete De Todo Esse O Peso De Distração, A Mente Concentrou-se Na Agilidade Que Permito-me Flutuar Direito A Extremidade Do Cumulo, Quando Lá Cheguei Uma Sinfonia De Tom Divino Crucificou A Mente Do Espírito De Todas As Alucinações Aditivas Que Um Dia Chamou De Música, Existem Certas Riquezas Que Tu Ouves Ou Vês No Mundo Dentro Dos Teus Mundos, Mas O Subconsciente Decide Esquecer Porque São Demasiado Virtuosas Para Existir Na Rudimentar Realidade.  

Persegui  A Sinfonia E Só Parei Quando Me Deparei Com Uma Gigantesca Cascata De Água, Mas Não Era Bem Água A Sua Cor O Seu Resplendor Era Tão… Tão… Era Como Se A Água Tivesse Sido Usada Para Enxaguar Um Conjunto De Constelações, E No Processo Todo Aquela Luminosidade Tivera Sido Absorvida, Era Como Se Aquela Fonte De Vida Tivesse Um Sol No Lugar Do Seu Coração, Era Como Se Aquele Pedaço De Terra Fosse O Chão Do Universo, O Ambiente Em Si Transpirava Uma Fragrância Celestial, A Energia Alterou O Conteúdo Das Minhas Emoções Parecia Que Tinha Descoberto O Nunca Visto Jardim Do Criador, Os Animais Estavam Todos Sentados A Admirar Aquele Pequeno Oceano Que Desde Sempre Fez A Manutenção Do Universo, No Seu Centro Estavam Quatro Enormes Seres Elaborados Pelas Mesmas Correntes De Magicamente Recaiam, Era Como Ver O Imenso E Inesperado Poder Da Verdade, Os Seres Moldam Os Eternos Ritmos Instrumentais De Guerra Em Declarações De Paz, Eu Ajoelhei-me Beijei A Relva E Comecei A Chorar De Felicidade, A Mente Da Alma Teve De Surfar Sobre A Onda Cósmica De Forma A Poder Interpretar Os Partidos Teóricos Das Melodias, Foi Como Se Toda A Maldade, Todos Os Horrores, Toda A Escuridão Que Dormia Dentro Do Espírito Tivesse Sido Exorcizada, E o Intercâmbio Concebeu-me Um Lugar Junto Aos Seres De Luz, Eu Não Sei O Que Fiz Para Merecer Todo Isso Mas, Obrigado Pela Dádiva! Apenas Escrevo O Que Os Santuários Do Meu Subconsciente Autorizam-me A Libertar, Sinto Que Deus Não É Indiferente A Nossa Dor Ele Não Goza De Uma Plena Felicidade Egoísta, Ele Também Sofre Com A Diminuição Dos Espíritos Puros, Um Outra Vez Obrigado Pela Experiência Que Tem Sido Está Vida, A Intensificação Da Divina Melodia Alcançou Um Timbre Estável, E Um Dos Seres Aproximou-se Até Mim E Disse.

Continua…

Depois De Voltar Perdi A Vontade De Aqui Ficar.

Dekson Nalk

Facebook Comments

%d bloggers like this: