The Divine Slaves

Imagem de Banksy
Imagem de Banksy

A imagem do senhor tem vindo a ser distorcida, a sua verdadeira mensagem já a muito que se encontra perdida, continuamos a acreditar mesmo sendo enganados, depositamos a nossa Fé de forma a eliminar os nossos pecados, damos tudo o que temos pois ele é tudo que conhecemos.

Tens de comprar a tua passagem para o paraíso, a Igreja cria o Beat e os padres entram com o improviso.

Meu filho tens de fazer o que preciso, a única maneira de seres abençoado, é ires a igreja todos os domingos e deixares o teu ordenado, Somos mensageiros dos Céus, filhos do mesmo pai, então os teus filhos são meus, os teus herdeiros são a nossa fonte de alimentação, a violação é um ritual de passagem de forma a alcançar-mos a iluminação“.

A mudança é nos prometida anos após anos, o planeta é o único que recolhe os danos, apenas pergunto-me até quando ele ira aguentar, para onde iremos quando ele decidir se revoltar, não existe nenhum outro refúgio, nenhum outro santuário,  para de rezar o “Senhor” é apenas um intermediário, uma imagem fictícia espantada em livros e igrejas, a sua mensagem apenas fica mais clara depois de umas poucas cervejas.

Ele é todo Poderoso, e Perdoa toda a gente independentemente do seu pecado, mesmo que sejas mais um padre rebarbado, capaz de manchar a alma de uma criança inocente e destruir a sua humanidade, se todos merecem uma segunda oportunidade então fechem as prisões, parem com as guerras, salvem o Planeta, liquidem todas as dividas mundiais, e ajudem-se uns aos outros Paz.

SUBSCRIBE DON’T CRITICIZE

Kudza

Comments

comments

3 Replies to “The Divine Slaves”

  1. Obrigado Kamba, talvez um dia a gente encontre e comece a dar uso a Palavra, continuação de um bom trabalho…

    Hasta & Peace

    Kudza